SLIDES - EEMAS

quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Nota de pesar da Prefeitura Municipal e Escola EEMAS a Maria Nazaré da Costa


A Prefeitura Municipal de Campo Redondo em nome do prefeito Dr. Alessandru Alves manifesta seu mais profundo voto de pesar pelo falecimento da senhora Maria Nazaré da Costa. Ela faleceu na madrugada desta quarta-feira,16 de outubro em Natal/RN. Nazaré de Vadoca como era mais conhecida pela população campo-redondense nos deixa um exemplo de boa mãe, esposa que dedicou a sua vida em ajuda a todos no exercício de sua profissão, com espírito de solidariedade. O sepultamento será nesta tarde, com a celebração de missa de corpo presente às 16 horas celebrada pelo padre Idalmo Barbosa na matriz de Nossa Senhora de Lourdes.


Conheça um pouco da Biografia de Maria Nazaré da Costa - primeira enfermeira de Campo Redondo.
(Disponível no Portal de Campo Redondo - www.camporedondorn.com)


Meu nome é Maria Nazaré da Costa nasci no dia 18 de dezembro de 1938 na cidade de Cerro Corá – RN. Sou profissional de Saúde formada em Enfermagem pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte – UFRN concluído em meados de 1950. Em 1959, após a conclusão do curso de Enfermagem, recebi o inesperado convite do prefeito Coronel Severino Bezerra, que foi nomeado pelo Governo do Estado Dinarte Mariz, para atuar no cargo de enfermeira no Posto de Saúde localizado na Rua do Vapor, pois nesta época não havia uma pessoa de Campo Redondo com formação na área de enfermagem.

E desta forma, passei a prestar meus serviços com dedicação exclusiva de enfermaria e parteira do município. Nesta época, eu auxiliava o Dr. Demócrito, que vinha da cidade de Santa Cruz – RN. Em 1962 comecei a namorar o jovem Osvaldo Norberto da Costa, com o qual me casei e formamos uma família nesta cidade. Desta união, tivemos quatro filhos Catarina Labôre, Costa Júnior, Simony Nôga e Schineider Mazzano. Hoje são todos profissionais e pessoas de boa conduta e índole. Após o casamento, eu continuei atuando em Campo Redondo e prestando meus serviços de enfermagem e parteira a sociedade campo-redondense, pois naquela época as condições de trabalho não eram favoráveis. A demanda era muito grande para poucos enfermeiros, o que provocava uma grande sobrecarga de trabalho para atender a zona urbana e as comunidades da zona rural.

Após vários anos de serviços prestados ao município de Campo Redondo, atuando como enfermeira para Prefeitura Municipal, chegou finalmente minha premiação com a aposentadoria pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte, mas foi muito gratificante ver as crianças vir a este mundo com a minha ajuda e a minha experiência. Foram centenas de crianças que fiz o parto com estas mãos abençoadas por Deus.

Mesmo aposentada, não parei de atuar na minha profissão de enfermeira. Passei a me dedicar o meu tempo em atendimento particular, o que culminou com a fundação da Farmácia Santa Catarina 1982, que um ano antes funcionava na Rua do Vapor numa sociedade com o Sr Zé Pachêco, mas comprei a minha parte da Sociedade e nos mudamos para Av. Senador João Câmara, onde funciona até os dias de atuais.


Depoimento de sua filha Simony Nôga


Minha mãe, Nazaré Costa prestou um serviço de primeiríssima qualidade à saúde do nosso município. Uma pessoa que nunca mediu esforços para atender aqueles que a procuravam, não se importando se era noite ou dia. Partia de madrugada para os sítios mais longínquos para fazer partos, não se incomodava com o tipo de transporte, cavalo, jumento, carroça, jipe.

Encaminhava as pessoas para um atendimento médico, numa época em que muito pouco nós ouvíamos falar de médico, este profissional nem existia na nossa cidade. Muitas vezes saía de casa de madrugada a cavalo para fazer parto na zona rural. Essa pessoa é Dona Nazaré Nôga, que deixou sua terra natal, CERRO CORÁ, e se dedicou de coração ao povo de CAMPO REDONDO. Se você perguntar aos mais antigos eles confirmarão o que estou te dizendo. Aqui não é apenas o depoimento de uma filha, mas de alguém que realmente presenciou a disponibilidade desta mulher guerreira e incansável.


Por Simony Nôga da Costa



Assecom da PMCR
Governo do Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário