SLIDES - EEMAS

quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

AULA DA SAUDADE DOS CONCLUINTES 2016 DA EEMAS


A Escola Estadual Professora Maria Arioene de Souza - EEMAS  realizou na última quarta-feira, dia 14 de dezembro de 2016, a aula da saudade proferida pelas professoras e gestoras Monica Araújo e Simone Soares com os alunos concluintes 2016.
"Concluí a aula da saudade dos estudantes concluintes do Ensino Médio da Escola Maria Arioene exatamente assim, palavras do padre Fábio de Melo, HOJE , NESTE TEMPO QUE É SEU , O FUTURO ESTÁ SENDO PLANTADO. AS ESCOLHAS QUE VOCÊ PROCURA, OS AMIGOS QUE VOCÊ CULTIVA, AS LEITURAS QUE VOCÊ FAZ , OS VALORES QUE VOCÊ ABRAÇA, OS AMORES QUE VOCÊ AMA TUDO SERÁ DETERMINANTES PARA A COLHEITA FUTURA."  acrescentou a diretora Monica Araújo.







"Temos muito pra lembrar, muito pra aprender, muito para esquecer,mas saímos de cabeça erguida, sabendo que nós aprendemos, brincamos,vivemos, dentro e fora da escola, da melhor maneira que podíamos. Uns brincando mais, outros estudando mais, mas o que fica são os momentos intensos e memoráveis que colecionamos durante uma vida Escolar." comentou a aluna Fernanda Franco.

 Francisca Monica escreveu: "AULA DA SAUDADE 2016 (síntese da aula da saudade) Aos queridos alunos e colegas da Escola Estadual Professora Maria Arioene Maria Arioene de Souza – Ensino Médio, obrigado pela companhia por todos esses anos nos desafios diários que nos levaram a trilhar caminhos por onde nunca tínhamos trilhado, foram suficientes para ficarem registrado na nossa memória um a um de forma muito especial e individualizada. “Hoje falo em especial aos estudantes da 3ª serie do Ensino Médio” os quais, por muitas vezes ouvimos reclamações, brincadeiras, desabafos, elogios por várias vezes e por vários motivos. Mas enfim esse dia chegou, a ultima aula juntos e misturados como vocês jovens estudantes falam, não e atoa que tem o nome AULA DA SAUDADE porque com certeza e o ultimo dia em que ficaram todos juntos na mesma sala com os professores, equipe gestora e pedagógica da escola, cena essa que jamais ira se repetir. Apenas teremos os registro. E agora que estamos aqui, nos últimos momentos todos juntos, já bate uma saudade inexplicável, em lembrar que não teremos, mas nossas horas de fofocas, conversas jogadas fora e risadas pelos corredores da escola e ate mesmo no corredor de acesso a direção. Deixaremos para trás muitos amigos (as) os quais só através das redes sociais iremos saber de suas vidas e de suas andanças. Devemos agradecer a Deus por todos aqueles que, durante três, quatro ou, mas anos permaneceram nas nossas vidas, lado a lado nos bancos escolares fazendo copia de trabalhos, copiando e colando, ou seja, um CTP CTV sem controle, muitos levam guardado segredos só a eles confiados, foram sensíveis, leais, honestos, fieis, souberam ouvir, e principalmente calaram–se nos momentos oportunos. Turma muito diversa, de comportamentos e atitudes que posso afirmar com muita segurança fez a diferença na escola, falhas, ah... Falhas tiveram muitas, quando deixaram de assistir aulas para permanecerem nos corredores, deixarem os professores com seus planejamentos prontos falando sozinho, isso só nos ajudou a enriquecer nosso conhecimento, replanejar e fazer diferente para chamar a atenção daqueles dispersos no seu mundo de fantasias como o educador Paulo Freire enfatiza, Ninguém educa ninguém, ninguém educa a si mesmo, os homens se educam entre si, mediatizados pelo mundo. Os professores, equipe gestora e pedagógica podem concordar que, mesmo nos momentos de tensão, estresse e distração em sala de aula, aqueles que pareciam importunos e inoportunos, serviu de lição. Aprendemos muito na diversidade, lições que ficaram nas nossas vidas sobre ética, cidadania, politica, religião, conhecimentos formais e informais, sobre como lidar com situações conflituosas, e quando vinham as duvidas maiores a correria por um computador para pesquisar no bendito Google. Vocês todos tem novos caminhos a perseguir a partir de agora, não será fácil a estrada para ter sucesso e para ter um futuro promissor, muitas portas você vai bater e elas simplesmente se fecharam, outras se abriram não tenham duvida. Ah, o futuro… Ele está a um passo de distância, mas não e assustador nem impossível, ele e desafiante e necessita de objetivos e metas definidas, planejadas para ser executada passo a passo, uma coisa de cada vez, se no primeiro desafio não tiver sucesso refaça, comece se auto avaliando e percebendo os erros como aprendizado para seguir em frente de cabeça erguida. O caminho foi construindo, todos já sabe por onde ir, orientação foi o que não faltou. Como diz o educador Paulo Freire “A alegria não chega apenas no encontro do achado, mas faz parte do processo da busca. E ensinar e aprender não pode dar-se fora da procura, fora da boniteza e da alegria”. Somos conscientes que no mundo competitivo em que estamos vivendo só se desponta na frente aquele que corre vai atrás, não tem medo nem temor aos riscos, o ensino Médio e importante como o primeiro tijolo a ser levantado na formação dos jovens, portanto, o importante mesmo e dar continuidade a essa construção de maneira corajosa, consciente e planejada. O que não se permite e paramos no tempo e achar que as coisas são fáceis e que você conseguira ter sucesso cruzando os braços, o padre Fabio de Melo nas suas sabias palavras diz, Hoje, neste tempo que é seu, o futuro está sendo plantado. As escolhas que você procura os amigos que você cultiva as leituras que você faz os valores que você abraça, os amores que você ama tudo serão determinantes para a colheita futura. Então plante o necessário para você colher frutos bons, produtivos e que lhe rederam uma vida digna, prospera , ética e de muito sucesso. FRANCISCA MONICA DA SILVA Francisca Monica Araujo Dezembro de 2016"

Nenhum comentário:

Postar um comentário