Semana Santa - Boa Páscoa!




domingo, 27 de maio de 2012

DIRETORA DA 7ª DIRED REÚNE GESTORES PARA FALAR SOBRE SAGEP

 


A professora Karla de França – diretora da 7ª DIRED – reuniu quinta-feira (24/5), os gestores da circunscrição para discutir e tomar decisões a respeito da gestão de pessoal e suas implicações para o ensino-aprendizagem e conversar sobre oSAGEP – Sistema de Gestão de Pessoal, a nova ferramenta colocada em funcionamento pela Secretaria de Estado da Educação e da Cultura.

A ferramenta corrigirá distorções e identificará onde está lotado cada servidor, qual sua função, carga horária, solicitações de licença, readaptações (e seus prazos), férias, aposentadorias, entre outras situações. Ademais, o SAGEP será interligado ao Sistema de Informatização da Educação do Estado, SIGEduc, que a exemplo do SIGAA, da UFRN, mudará a cultura de gestão da SEEC.

A professora Karla de França trouxe, em mãos, as vias do SAGEP de cada escola da circunscrição e, à medida que entregava cada uma delas, aos gestores, explicava como proceder para regularizar as situações colocadas em destaque pela equipe do sistema.

Diante de algumas perguntas surgidas, a professora dirimiu todas as dúvidas, de forma individual, e disse que “O SAGEP vem para, justamente, proteger o bom servidor e identificar aquele que não trabalha, que está com desvio de função, carga horária incompleta – mas recebendo como se ela estivesse completa, aqueles que estão recebendo gratificações indevidamente e aqueles que estão lotados, mas não comparecem ao seu local de trabalho”.

Ela também falou sobre os dados recebidos, especificamente, das escolas da 7ª DIRED e mostrou que as escolas da circunscrição estão entre 293 e 294 professores em desvio de função. A orientação é informar com clareza a situação de cada uma das escolas, sem omitir nenhum dado. Informar as readaptações quando houver, a quantidade de alunos por turmas, seguindo as orientações da SEEC, se houver necessidade fazer a junção de turmas de modo a atingir o número de alunos por turmas estabelecidos pela SEEC/RN, para a implantação dos apoios pedagógicos deve ser considerada a quantidade de turmas e habilitação do servidor, os coordenadores pedagógicos e financeiros só permaneceram em suas funções caso tenham concorrido ao pleito eleitoral para escolha dos gestores nas escolas estaduais.

Karla de França, ainda conversou com os gestores, sobre o Plano de Metas, calendário escolar, relação nominal dos alunos que utilizam transporte escolar lembrando que aquelas escolas ainda não entregaram estes documentos que deverão encaminhá-los até segunda-feira (28).

Terminada a reunião os gestores preencheram um levantamento de todos os servidores das escolas. Informando com números e justificativa o total de servidores, professores em sala de aula, professores fora de sala de aula, apoio pedagógico, coordenadores, aposentados, readaptados, previsão de aposentadorias e professores fora do rol.

Informações do Blog da Escola BORGES

Nenhum comentário:

Postar um comentário

informativo eemas

Portal eemas